Sanesul distribui cerca de 13 mil novas contas de água para corrigir falhas do sistema

GOVMS / Paulo Massaharu Yafusso


A Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) começou a distribuir, nesta sexta-feira (4), novas contas de água aos cerca de 13 mil consumidores que receberam faturas com valores indevidos, em decorrência do ataque hacker ocorrido no sistema operacional da empresa, no mês de dezembro.

De acordo com diretor Comercial e de Operações da empresa, Onofre Assis de Souza, a entrega das novas faturas será concluída neste sábado (5).

No fim do ano passado, a Sanesul sofreu um ataque cibernético, obrigando a companhia a fazer o faturamento pela média, em torno de 2%, das 520 mil ligações operadas pela empresa, o que corresponde a aproximadamente 214 mil famílias.

Diante disso, o diretor-presidente da companhia de saneamento, Walter Carneiro Júnior, tem usado os meios de comunicação, principalmente emissoras de rádio e as plataformas digitais, para esclarecer o transtorno e tranquilizar os consumidores atingidos pelo crime cibernético.

O dirigente iniciou em 19 de janeiro uma série de entrevistas em emissoras de rádio, com o objetivo explicar a situação e também orientar o consumidor sobre a revisão tarifária dos serviços de água e esgoto operados pela empresa.

No total, o dirigente concederá entrevista para mais de 40 emissoras em todo o Estado, por meio das quais, comenta o episódio preocupante não apenas para a direção da companhia, mas para os consumidores, provocando uma situação constrangedora.

Novas tarifas

As novas tarifas de água e esgoto começaram a vigorar partir de 1º de janeiro, beneficiando diretamente milhares de moradores de Mato Grosso do Sul nas 68 cidades onde a Sanesul mantém a concessão dos serviços prestados.

Publicada no dia 1º de dezembro no Diário Oficial do Estado, Portaria da AGEMS (Agência Estadual de Regulação de Mato Grosso do Sul) indica uma redução de 3,13% na tarifa média de água e esgoto.

Com isso, serão beneficiadas mais de 215 mil famílias e cerca de 40 mil pequenos comércios.

Outra mudança é a unificação da tarifa de esgoto em 50% para todos os municípios atendidos pela Sanesul.

Além disso, a tarifa social continua garantida para 10 mil famílias de baixa renda.

Assessoria de Comunicação da Sanesul